Calvície feminina

Eu sempre tive muito cabelo na minha vida, minha tia que era cabeleira sempre me dizia que eu tinha cabelo pra mim e pra fazer uma outra peruca.

Mas quando eu cheguei aos meus quase 30 anos meu cabelo começou a fica mais ralo, mas sinceramente não dei muita atenção.

Quando eu cheguei nos meus 30 e poucos quase 40então eu tinha uma bela falta de cabelo no topo da cabeça e aquilo começou a me incomodar um pouco.

Procurei vários médicos, fiz vários procedimentos mas nada resolvia.

Então uma amiga me falou do Dr. Marcos, que não atendia convênio e era muito bom, mas o preço da consulta era bem salgada. Não me lembro o preço que paguei na época, mas hoje acredito que seria em torno de R$ 600,00 a R$ 800,00.

E lá ele fez alguns exames, me deu uma injeção anestésica no coro cabeludo que xinguei várias gerações da família dele e o resultado foi de calvície feminina.

Fiz um tratamento, melhorou muito mas não tudo que eu gostaria.

Eu noto que tem horas que meu cabelo melhora e tem outras que piora e estou muito a fim de procurar um outro especialista, pois de lá pra cá já se passaram muitos anos e pode ser que o tratamento seja mais eficaz.

Mas afinal, o que é calvície feminina?

Muitas vezes temos uma queda excessiva de cabelo, que é quando notamos vários fios de cabelo pela fronha, no lençol, pelo chão da casa, na mesa do computador e as vezes, isso é terrível, aquele cabelinho na comida e o ralo do banheiro fica parecendo que tem peruca kkkkkkkkkkkkk

Já na calvície feminina o cabelo vai rareando sem queda aparente, ou seja, você não nota esse monte de fios pela casa, o que as vezes faz com que você só note a calvície quando ela já esta bem adiantada e seu cabelo bem mais ralo.

Mas somente o profissional liquidificado poderá dizer ao certo o diagnóstico.

Algumas das causas que podem levar a calvície:

  • Genética
  • Alterações hormonais
  • Inflamações no couro cabeludo
  • Má alimentação
  • Estresses
  • Excesso de vitamina A
  • Pós – Gravidez
  • Falta de proteínas na alimentação
  • Perda de peso repentina
  • Hipotireoidismo
  • Envelhecimento …

Nas minhas pesquisas, descobri que o couro cabeludo e os fios adoram:

  • Argila
  • Babosa
  • Nutrir o couro cabeludo
  • Óleo de coco
  • Vinagre de maçã

Prevenir é sempre o melhor remédio:

  • Massageie sempre o coro cabeludo para ajudar na ativação da circulação
  • Mantenha o couro cabeludo sempre limpo
  • Se seu cabelo esta fragilizado, evite excesso de químicas
  • Escolha os shampoos menos agressivos

E vocês, cuidam bem do cabelinho de vocês?

Eu no momento ando adepta do cabelo bem curtinho.

print
Frutas e legumes da época (abril)
Chá de erva doce | E seus poderes ocultos
Projeto – 40 coisas em 100 dias